Home Notícias Projeto de P&D da EDF NF cria graxa sustentável

Projeto de P&D da EDF NF cria graxa sustentável

por redação

Já disponível no mercado, Lubterm é um lubrificante atóxico e que não gera resíduos

A EDF Norte Fluminense, subsidiária do grupo francês Électricité de France, foi responsável pelo projeto que desenvolveu uma nova graxa de alta performance atóxica e sem impacto ao meio ambiente, por não gerar resíduos devido aos materiais usados na sua composição. Batizado de Lubterm, o produto é apropriado para equipamentos de alto desempenho e expostos a altas temperaturas, além de ambientes agressivos (com altos níveis de umidade e acidez, por exemplo), e já está disponível para aquisição no mercado brasileiro.

Produzida no âmbito do programa de Pesquisa & Desenvolvimento da ANEEL, a nova graxa é fruto de uma parceria da EDF Norte Fluminense com as empresas Molygrafit, Jordão Consultoria e Projetos e Flowtest Engenharia e Pesquisa e já vem sendo utilizada e testada pela própria EDF Norte Fluminense na sua usina termelétrica, em Macaé/RJ. Por ser atóxico, o produto pode, inclusive, ser utilizado no maquinário da indústria alimentícia.

Outros segmentos em que a Lubterm tem potencial de aplicação são os de fabricação de chapas de MDF para a indústria moveleira, em que as vendas já começaram, offshore e outros aparelhos que mantêm contato com oxigênio, já que a graxa não reage com o gás. “A Lubterm é uma iniciativa totalmente desenvolvida no Brasil e vem demonstrando um desempenho muito satisfatório em nossas instalações, inclusive com redução de custos”, afirma Fabio Monteiro Steiner, gerente de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação da EDF NF.

Steiner ainda destaca outros atributos, como a ausência do ponto de gota: a graxa não derrete, o que contribui para aumentar os períodos de lubrificação e evita a corrosão das peças de máquinas que ficam ociosas por muito tempo.

Compartilhar
0 comentário

Posts relacionados

Deixe um Comentário