Home Notícias Fazenda gaúcha potencializa esforços pelo dia da água com projeto de conscientização de estudantes

Fazenda gaúcha potencializa esforços pelo dia da água com projeto de conscientização de estudantes

por redação

fazenda-gauchoPraticamente um mês após a divulgação do relatório da Organização das Nações Unidas alertando sobre os efeitos da escassez de água para o planeta, o Dia Mundial da Água (22/3) completa 22 anos. Criado em 1993 pela Assembleia Geral da ONU, ele foi instituído com o objetivo de direcionar as atenções da imprensa e do poder público de todo o mundo para as particularidades do assunto.

Toda a mobilização desses dois setores tem um único foco: a conscientização de toda a população sobre o papel de cada um no desenvolvimento de uma sociedade mais sustentável. As previsões do estudo veiculado em fevereiro deste ano são de que, até 2030, a demanda por água doce será cerca de 40% maior que a oferta. Antes disso, em até dez anos, pelo menos 48 países não terão abastecimento suficiente para suas populações, significando quase três bilhões de pessoas atingidas

Além da informação, a educação é um fator importante para mudar o rumo das estatísticas. Instituições de ensino contam com a colaboração da Quinta da Estância, maior fazenda de turismo rural pedagógico do Brasil, que desenvolveu nova programação pedagógica para que os estudantes aprendam através de vivências práticas sobre a temática da água. “Sabemos que estamos vivendo uma crise hídrica de grandes proporções, por isso desenvolvemos uma programação prática aprofundando esta temática. A vivência que desenvolvemos para os estudantes é focada em internalizar mais facilmente o aprendizado, sendo mais marcante e eficiente aos alunos do que apenas o uso da lousa ou um vídeo”, afirma a fundadora da Quinta da Estância, Sônia Goelzer.

A Fazenda localiza-se em Viamão, no Rio Grande do Sul. Reconhecida por ser a maior fazenda de Turismo Rural e Pedagógico do Brasil, lançou em 2015 um programa de racionalização do uso da água. São oficinas de consumo de água, simuladores de chuva, análise de fontes de água e conhecimento de formas de irrigação. Em uma área com cerca de 100 hectares a 28km de Porto Alegre, a Quinta da Estância conta com uma equipe com mais de 90 monitores formados – muitos com pós-graduação, mestrado e doutorado – e recebe estudantes desde o ensino fundamental ao superior, podendo desenvolver programas pedagógicos para alunos de educação infantil ao ensino médio.

0 comentário

Posts relacionados

Deixe um Comentário