Home SeçõesEconomia Verde Empresas investem em ESG para reduzir os danos ao meio ambiente e gerar economia

Empresas investem em ESG para reduzir os danos ao meio ambiente e gerar economia

por redação

Por meio de soluções estratégicas e de tecnologia, agenda sustentável se torna preponderante no cotidiano das companhias

Cada vez mais as empresas têm se importado em dar o devido valor à preservação ambiental. A sustentabilidade e o uso consciente dos recursos naturais são temas que frequentemente estão sendo abordados pela sociedade. Seja por leis de incentivo, ou por exigência dos consumidores, os valores ESG (Meio ambiente, Sociedade e Governança, na sigla em inglês) estão ajudando muitas organizações na redução de danos ao meio ambiente e a impulsionar a economia circular.

Nesse contexto, a govtech Aprova Digital, plataforma 100% online que realiza a digitalização de serviços públicos, é um exemplo de que, mesmo em um ambiente historicamente considerado burocrático, é possível utilizar a tecnologia para preservar o meio ambiente e gerar economia.

“Cada folha de papel sulfite consome 10 litros de água para ser produzida. Uma prefeitura de pequeno porte utiliza, aproximadamente, 10 milhões de folhas anualmente. Agora imagine esses números, considerando o tamanho de cada gestão, multiplicados pela quantidade de prefeituras que temos hoje no Brasil”, explica o CEO da empresa, Marco Zanatta.

No setor de logística, por exemplo, as soluções de ESG têm ganhado muita importância, principalmente durante a pandemia. A AgileProcess , empresa de tecnologia que faz parte do Grupo Intelipost , líder em gestão de frete e tecnologia para logística no Brasil, enxerga que a logística nunca se fez tão necessária. “Ela é a principal aliada no crescimento sustentável das operações logísticas no varejo digital”, explica Stefan Rehm, CEO da Intelipost.

De acordo com o executivo, uma das maneiras de implantar processos mais eficientes e sustentáveis é otimizar a cadeia logística, que pode resolver grande parte da emissão de gases poluentes no país, pela otimização da frota e pelo uso de soluções de roteirização, que por sua vez diminuem em até 30% o consumo de combustível e o tempo do caminhão na rua.

Outra ação do Grupo que também corrobora com essas ações é o NoTouch que permite comprovar a entrega por meio de um QR Code, sem que o entregador e o consumidor precisem pegar o celular um do outro para assinar o recibo. Antes disso, o ZeroPaper já estava em operação para substituir os canhotos de papel, evitando assim um desperdício de papel no processo de comprovação de entregas e coletas.

Compartilhar
0 comentário

Posts relacionados

Deixe um Comentário