Home Seções Economia Verde UE e Califórnia se unem para estimular a cooperação climática
0

UE e Califórnia se unem para estimular a cooperação climática

0
0

Com base nos esforços concretos tanto da Califórnia como da União Europeia para implementar mercados de carbono e políticas de transporte de carbono zero e à luz do impulso global gerado pelo Acordo de Paris, o Comissário Europeu para a Ação Climática e Energia, Miguel Arias Cañete, e o Governador da Califórnia, Jerry Brown, se reuniram em Bruxelas e concordaram em intensificar a cooperação no comércio de emissões e no transporte de carbono zero.

A UE e a Califórnia realizarão diálogos políticos e técnicos regulares sobre a concepção e implementação de seus mercados de carbono, incluindo a cooperação com outros mercados de carbono, como o da China. Organizado pelo Representante Especial da China sobre Assuntos de Mudanças Climáticas, o Comissário Arias Cañete e o Governador Brown abrirão um evento de alto nível sobre os mercados de carbono e o papel do preço do carbono na China, em 14 de novembro, na COP 23, em Bonn.

O Comissário da UE para o Clima e a Energia, Miguel Arias Cañete, declarou: “A UE e a Califórnia são parceiros naturais na luta contra as alterações climáticas e foram pioneiras nos primeiros anos dos mercados de carbono e da mobilidade limpa. Hoje acordamos em reforçar a nossa cooperação para que permaneçamos líderes nessas áreas – o que será fundamental para alcançar os objetivos do Acordo de Paris”.

“Estamos realmente enfrentando um desafio sem precedentes na história humana”, disse o governador Brown. “Se nos reunirmos e enxergarmos a verdade da nossa situação, podemos superá-la. Já travamos grandes batalhas antes e espero que a União Europeia e a Califórnia possam inspirar o resto do mundo”.

A União Europeia é o maior mercado de carbono do mundo, com o seu sistema de comércio de emissões constituindo-se em uma parte fundamental da política da UE para reduzir as emissões de gases de efeito estufa, enquanto a Califórnia também possui um mercado de carbono bem estabelecido, que está vinculado aos mercados em Quebec e Ontário .

A União Europeia e a Califórnia também trabalharão em conjunto para dimensionar as soluções de transporte de carbono zero em todo o mundo, inclusive trazendo novos compromissos e novos parceiros para a Cúpula Global de Ação Climática, que a Califórnia sediará de 12 a 14 de setembro de 2018.  A estratégia de mobilidade de baixas emissões da UE para o setor de transportes é também um elemento-chave da política climática do bloco, com uma nova proposta importante sobre as normas de emissão de CO2 para automóveis e vans a ser considerada pela Comissão amanhã. A Califórnia apresentou sua primeira regulamentação para acelerar a aceitação de veículos de emissões zero em 1990 e seus padrões atuais foram adotados por nove outros Estados Unidos. O estado também tem como objetivo colocar mais de 1,5 milhão de veículos de emissão zero em suas estradas até 2025.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *