Home Notícias Retrofit ajuda na eficiência ambiental de centro empresarial
0

Retrofit ajuda na eficiência ambiental de centro empresarial

0
0
A administradora do CEMHS planeja reduzir os chamados de reclamações sobre temperatura, facilitar o trabalho da equipe da Central de Controle e também reduzir os custos operacionais

O Centro Empresarial Mario Henrique Simonsen (CEMHS) é o espaço comercial mais amplo e arborizado do Rio de Janeiro com área total de 78,4 mil m2 e apenas 12,5% deste total edificados. Localizado na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade, o condomínio tem sete blocos ocupados por grandes empresas. O CEMHS também é um dos poucos empreendimentos no Brasil que possui tripla certificação: qualidade de gestão, gestão ambiental, saúde e segurança no trabalho.

Para manter o padrão de excelência em infraestrutura e o conforto desejado aos seus condôminos e visitantes, o CEMHS investiu em um retrofit do seu sistema de automação predial. Anteriormente, o monitoramento dos equipamentos era feito por um sistema antigo, que foi descontinuado. Nesta condição, o fabricante já não oferecia serviços adequados ou peças de reposição. Com o tempo e o desgaste natural, o sistema passou a ser 100% dependente do olhar de um colaborador para cada acionamento, sempre com monitoramento visual nos pontos críticos. A modernização se fez necessária.

A administradora do CEMHS, a RV Gestão, recorreu ao Metasys®, da Johnson Controls, como a melhor opção para o monitoramento dos seus equipamentos. O sistema monitora principalmente a Central de Água Gelada (CAG) responsável pela refrigeração dos blocos do condomínio.  “Refrigerar sete blocos selados, mantendo as temperaturas de conforto em qualquer época do ano, é uma tarefa que exige máxima atenção e um investimento certeiro nos mecanismos de monitoramento e controle”, opina Alexandre Roxo, diretor da RV Gestão.

O Metasys® fica instalado em um computador, dentro da Central de Controle do CEMHS. Por meio de telas gráficas, apenas um operador acompanha os parâmetros de funcionamento dos chillers, fancoils, bombas de refrigeração e de água potável, além de toda a iluminação externa do empreendimento. “O novo sistema trará maior controle dos consumos de energia para o CEMHS, principalmente no que diz respeito ao controle automático e inteligente dos fancoils das áreas comuns de todos os blocos”, comenta Raphael Queiroz, gerente de vendas de serviços e sistemas da Johnson Controls.

Este novo sistema é aberto e utiliza protocolo universal, sendo muito mais fácil de realizar qualquer intervenção ou acrescentar novos pontos no futuro. “Esperamos reduzir os chamados de reclamações sobre temperatura, facilitar o trabalho da equipe da Central de Controle e também reduzir os custos operacionais. Com o tempo, conseguiremos mensurar de fato esta economia”, finaliza o diretor da RV Gestão.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *