Home Seções Green Build Padrão WELL visa a saúde e bem-estar das pessoas em edifícios
0

Padrão WELL visa a saúde e bem-estar das pessoas em edifícios

0
0

Padrao WellReprodução da entrevista que a GBC Brasil fez com Paul Scialla, Diretor do Internacional WELL Building Institute, sobre a Certificacao WELL Building Standard.

Projetar e construir ambientes que promovem a saúde e bem-estar aos usuários se tornou um dos pontos mais importantes no âmbito da construção civil.  Estes requisitos têm sido cada vez mais relevantes como fatores de decisão dos consumidores em geral. A certificação WELL Building Standard foi desenvolvida para atender esta demanda na busca por qualidade de vida, saúde e produtividade dos usuários aliada à sustentabilidade ambiental dentro dos espaços construídos, além de ser uma ferramenta complementar a Certificação Internacional LEED.

Paul Scialla, Diretor do Internacional WELL Building Institute
Paul Scialla, Diretor do Internacional WELL Building Institute

Para compreendermos melhor sobre a Certificação Well, conversamos com Paul Scialla, Diretor do Internacional WELL Building Institute. Veja abaixo a entrevista na íntegra:

Quais são os benefícios ambientais, sociais e econômicos da certificação WELL Building Standard?

Paul Scialla: Sustentabilidade ambiental, saúde e bem-estar caminham lado a lado. Como o primeiro padrão de construção que se concentra exclusivamente sobre a saúde e o bem-estar das pessoas em edifícios, o WELL Building Standard é projetado para trabalhar em harmonia com outras certificações de construção verde, incluindo LEED, para tornar os ambientes construídos não só melhores para o planeta, mas melhores para as pessoas que nele habitam. A certificação WELL estabelece requisitos de desempenho em sete categorias relevantes para a saúde e bem-estar dos ocupantes: ar, água, alimento, luz, fitness, conforto e mente. Espaços certificados WELL podem ajudar a criar um ambiente construído que melhora a alimentação, a condição física, o humor, os padrões de sono, e o desempenho de seus ocupantes. Economicamente falando, a certificação WELL não só tem o potencial para redução nos custos de saúde, como também fornece retorno inestimável sobre o investimento, aumentando o valor dos empreendimentos através de uma declaração altamente visível sobre compromisso de uma organização para com a saúde e bem estar das pessoas nos edifícios. A indústria da saúde e bem-estar é uma das que mais crescem hoje em dia, e cada vez mais é um dos maiores fatores de decisão para os consumidores e funcionários. Investir na saúde e bem-estar dos colaboradores tem o potencial de ajudar as empresas a reter os melhores talentos, aumentar a produtividade e satisfação dos funcionários, fortalecer os esforços de responsabilidade corporativa e reduzir o absenteísmo.

É necessário que um edifício possua o certificado LEED para alcançar o WELL Building Standard? Quais são as principais diferenças e sinergias entre ambos os padrões?

PS: Enquanto Certificação LEED não é um pré-requisito para alcançar o WELL Building Standard, WELL foi concebido para complementar o LEED para melhor atender a saúde humana e sustentabilidade ambiental dentro de edifícios. O GBCI, que fornece a certificação de terceiros para o WELL, e o Instituto Internacional WELL Building têm racionalizado como LEED e WELL podem trabalhar em conjunto, tornando mais fácil para os projetos obterem as duas certificações e alcançar a saúde ambiental e humana e bem-estar.

Qual seria o custo efetivo sobre o investimento do proprietário para alcançar a Certificação WELL?

PS: As taxas de inscrição variam de US$ 1.500 a US$ 10.000, dependendo da tipologia e tamanho do projeto. Os custos de certificação começam em US$ 4.000 e variam de US$ 0,08 a US$ 0,23 por pé quadrado, dependendo da tipologia e dimensão do projeto. O preço por volume está disponível para projetos que excedam 1 milhão de pés quadrados (92.900 m2), para terrenos com vários edifícios, e para sites corporativos com múltiplas construções. O custo total para obter o certificado WELL – incluindo registro, certificação e verificação de desempenho – custa em média menos de US$ 100 por empregado para um edifício típico de escritórios comerciais.

Até agora, quantos projetos já alcançaram a certificação WELL e quantos estão registrados?

PS: Atualmente, mais de 80 projetos abrangendo quase 2 milhões de metros quadrados estão registrados ou certificados sob o WELL Building Standard em 12 países nos cinco continentes.

Qual é o processo de registro? Quanto tempo dura todo o processo até o resultado final?

PS: O processo de certificação WELL envolve cinco etapas:

  1. Inscrição: A certificação começa com o registro através do WELL Online, uma plataforma digital projetada para angariar projetos em processo de certificação, do início ao fim.
  2. Documentação: Documentação, incluindo documentos do projeto, anotações e desenhos, além de cartas de garantia da equipe do projeto, são necessários antes da revisão da certificação final.
  3. Verificação de desempenho: uma série de testes de desempenho pós-ocupação são feitos no local, conhecida como Verificação de Desempenho.
  4. Certificação: Certificação WELL reconhece que o projeto documentou com sucesso e conformidade todas as características e passou pela Verificação de desempenho.
  5. Recertificação: A recertificação, que deve ser completada a cada três anos, garante que o edifício mantenha o mesmo alto nível de projeto, manutenção e operações ao longo do tempo. Para projetos Core & Shell, a recertificação não é necessária.

O mundo está enfrentando uma enorme crise econômica, onde muitas pessoas estão perdendo seus empregos. Quais oportunidades de emprego pode fornecer o WELL Building Standard?

PS: O WELL Building Standard está levando a indústria a repensar a sua abordagem para a construção sustentável, a criação de uma nova oportunidade de mercado, colocando as pessoas no centro das decisões de projeto e construção. O credencial de WELL Accredited Professional (WELL AP) – que significa conhecimento em saúde humana e bem-estar no ambiente construído, e especialização no WELL Building Standard – oferece a oportunidade para LEED APs e outros profissionais da construção civil para se diferenciarem no mercado. Além disso, como a demanda por novos materiais de construção sustentável e saudável continua a crescer, os fabricantes estarão procurando atender a essa necessidade.

Qual seria seu conselho para uma equipe de projeto que quer aplicar para o WELL Building Standard?

PS: Nós encorajamos o registro do projeto no WELL o quanto antes possível. A opção por uma construção WELL não são necessariamente as decisões mais caras, mas as decisões mais conscientes. Quanto mais cedo integrar o WELL em seus projetos, mais acessível será todo o processo.

Olhando para o futuro, quais são as expectativas sobre o WELL Building Standard?

PS: Com quase 2 milhões de metros quadrados de projetos, em nível mundial, que estão registrados e que buscam a Certificação WELL, a resposta da indústria para o WELL tem sido extremamente positiva e temos visto muitos visionários nos principais mercados em todo o mundo. Estamos ansiosos para uma adoção mais global e generalizada dos conceitos e como a dinâmica continua a aumentar rapidamente, o que reflete o interessante valor econômico e social da proposta de trazer saúde e bem-estar para os edifícios onde passamos mais de 90% do nosso tempo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *