Home Seções Eficiência Energética Família opta por energia solar para evitar desperdício
0

Família opta por energia solar para evitar desperdício

0
0
A família de Campo Grande, MS, usa energia solar térmica há anos e há alguns poucos meses, trocou a energia elétrica pela solar fotovoltaica

É possível afirmar que o sol é brasileiro. Apesar de suas variações de tempo, em alguns estados do país intertropical, localizado no Hemisfério Sul e abaixo da Linha do Equador, o astro rei brilha o ano inteiro. E é por isso, que o Brasil tem potencial e já está em tempo de se transformar em uma das maiores nações que produz e consome energia solar fotovoltaica do mundo. 

“O brasileiro precisa entender que é possível, simples e barato transformar o consumo de energia dentro de casa, que essa realidade não precisa ser somente europeia”, explica Pedro Pintão, engenheiro e sócio-diretor da NeoSolar Energia, empresa paulista especializada em soluções para energia solar. “Mais que compreender, é preciso agir”, completa.

E é agindo que o policial militar ambiental Luiz Alberto Vilalva, de 41 anos, colabora para a transformação brasileira. Casado e pai de família, já tem em sua residência de 220 m² em Campo Grande, MS, energia solar térmica há anos e há alguns poucos meses, trocou a energia elétrica pela solar fotovoltaica. “Por que não usar essa energia renovável na casa toda?”, questiona. “A luz que não se apaga, se paga. Aprendi com minha mãe, Dona Edna, a amar e respeitar o meio ambiente e essa lição já foi passada aos meus quatro filhos desde muito cedo”, conscientiza-se ainda.  O projeto conta com 15 painéis o que corresponde a 3,9 kw o que dá retorno energético mensal de 480 kwh mês.  “É tudo descomplicado e rápido: a necessidade é avaliada, o projeto elaborado e executado”, fala.

Ainda de acordo com Luiz Vilalva, que não suporta o desperdício, é preciso desmistificar o uso da natureza bem como o processo de instalação e geração da energia solar. “O mecanismo é bem mais simples do que noticiam e não me sinto nada culpado em desfrutar com conforto e qualidade a iluminação dentro de casa”, relata.

Entre as várias vantagens de se utilizar a energia solar totalmente renovável e infinita estão: benefícios ambientais, fácil instalação e manutenção, não poluição, pode ser usada em áreas remotas onde não existe energia e mexe diretamente no orçamento da casa, uma economia de até 85% ao mês.

De classe média e totalmente preocupado com as futuras gerações, Luiz defende e atua na causa de que a energia deve ser usufruída com inteligência. “Apague a luz”, conclui.

Tome Nota:

Desde 2012, a Resolução Normativa 482 da ANEEL entrou em vigor e regulamenta que qualquer residência ou indústria poderá instalar um sistema de micro ou mini geração distribuída para o auto consumo.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *