Home Seções Economia Verde Encontro mostra soluções sustentáveis para diferentes tipos de obra
0

Encontro mostra soluções sustentáveis para diferentes tipos de obra

0
0
Atores de toda a cadeia de construtiva apresentaram cases e mostraram exemplos práticos de diminuição de gasto energético em construções
Atores de toda a cadeia de construtiva apresentaram cases e mostraram exemplos práticos de diminuição de gasto energético em construções

Ocorreu, no dia 14 de abril de 2016, o terceiro Encontro Performance e Sustentabilidade na Indústria da Construção, realizado na sede da Dow, em São Paulo. Com o auditório repleto de representantes de diferentes segmentos do setor de construção, as palestras ressaltaram a importância do engajamento de toda a cadeia na busca de saídas inovadoras e eficientes para a diminuição do gasto energético nas edificações. Foram abordadas soluções e oportunidades geradas pela crise energética no país e para o desafio de evitar o aumento de 2°C na temperatura planetária até 2100, segundo acordo para conter o aquecimento global assinado por 195 países durante a conferência COP21, em Paris, no final do ano passado, incluíndo o Brasil.

Com o lema “a energia mais sustentável é a energia que não se usa”, representantes da Dow e suas parceiras, DânicaZipco, Isoeste e MBP Isoblock, apresentaram produtos que, se incorporados nas construções, diminuem comprovadamente o gasto com energia elétrica e as emissoes de CO2. Um dos exemplos apresentados foi os paineis termoisolantes de poliuretano, que começaram a ser usados apenas em câmaras frigoríficas e hoje já são adotados em fachadas de prédios, shopping centers, aeroportos, entre outras aplicações. Mais leves e sustentáveis, os paineis podem substituir estruturas de alvenaria ou telhas, eliminando praticamente toda a utilização de água na montagem e diminuindo também significativamente o gasto com mão de obra.

Outro assunto abordado foi que, para uma obra mais sustentável e econômica, é preciso estar atento a detalhes no canteiro. A utilização de painéis termoisolantes ajuda a evitar, por exemplo, o acúmulo de água no local das obras, diminuindo não só o consumo desse bem, mas também excluíndo focos de proliferação de mosquitos, como dengue e zica. Palestrantes aproveitaram para mostrar casos de aplicações dos paineis que já ocorrem no país, como no shopping Frei Caneca, em São Paulo, o aroporto de Viracopos, em Campinas, entre outros. No geral, o gasto com o material se pagou apenas com a economia de energia elétrica em pouco mais de dois anos. Em grande parte dos casos, a economia na conta de energia elétrica foi acima de 60%.

Resultados da sustentabilidade

A utilização dos painéis termoisolantes de poliuretano entra na conta de mitigação de carbono das Olimpíadas Rio 2016. A diminuição nas emissões de gases poluentes nas obras, sejam em projetos s realizados no Rio de Janeiro ou não, entram na conta da mitigação de 500.000 toneladas de CO₂ equivalentes provenientes da organização e entrega dos Jogos. Dow e Rio 2016 trabalharão, ainda, para gerar benefícios climáticos adicionais de 1,5 milhão de CO₂eq até 2026.

Em maio é a vez de Belo Horizonte receber a quarta e última edição do evento (alem de atividades semelhantes por todo latinoamerica), que também contará com dois painéis, uma abertura e cinco palestras que discustirão temas como inovação, tecnologias de alto desempenho, estratégias de redução de custos e aumento de produtividade em canteiros de obras, redução no consumo de energia e eficiência energética, além de alinhamento do sistema construtivo a normas de desempenho para empreendimentos habitacionais. Os Encontros começaram a ocorrer no final de 2015 e já foram realizado em Recife, Rio de Janeiro e, agora, em São Paulo. Para mais informações acesse www.paineistermoisolantes.com.br

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *