Home Seções Economia Verde Dez motivos pelos quais as empresas devem investir em sustentabilidade ambiental
0

Dez motivos pelos quais as empresas devem investir em sustentabilidade ambiental

0
0

Muitos empresários e novos empreendedores me perguntam porque devem investir em produtos e processos mais sustentáveis, por isso hoje eu resolvi escrever um artigo destacando os dez motivos pelos quais as empresas devem investir em sustentabilidade. Os itens apresentados neste artigo foram extraídos à partir de dados reais dos benefícios obtidos por empresas que implementaram os princípios da sustentabilidade, relatados pelos seus diretores, gerentes e coordenadores, e englobam os mais diversos ramos de atividades da indústria e do comércio brasileiros.

Em síntese podemos elencar:

  1. Melhoria na imagem perante ao consumidor,
    2.Aumento das vendas internas e externas,
    3.Melhoria da visão da empresa por parte dos stakeholders, implicando na melhoria das relações comerciais,
    4.Redução de custos,
    5.Redução de riscos,
    6.Vantagem competitiva sobre os concorrentes,
    7.Aumento da capacidade inovativa,
    8.Valorização no mercado de capitais,
    9.Atração, retenção de talentos do quadro de colaboradores,
    10.Rápida resposta ou antecipação à legislação evitando multas e sansões que podem inclusive impedir, mesmo que temporariamente, as atividades das organizações.

Antes de iniciar uma discussão à respeito dos itens listados acima, destaco aqui o “conceito” de Negócio Sustentável. Para fins de avaliação, um Negócio Sustentável é aquele que enquanto negócio obrigatoriamente gera lucro e também agrega valor em pelo menos uma das outras duas dimensões da sustentabilidade, ou seja ambiental ou social. Considerando o caráter indissociável das dimensões da sustentabilidade (econômica, ambiental e social), o negócio, além de gerar valor econômico e agregar valor a pelo menos uma das outras duas dimensões, não poderá destruir valor em qualquer das demais dimensões.

Em outras palavras, a geração de negócios sustentáveis introduz um “novo valor” organizacional nas corporações, que busca por um mundo mais justo e uma melhor qualidade de vida, sem que interfira de forma negativa na geração de lucros e riquezas financeiras aos acionistas.

Um dos primeiros impactos que justificam a implementação de estratégias sustentáveis nas organizações é a melhoria da imagem da empresa, que consequentemente gera um aumento das vendas tanto externas como internas. Este fato advém primeiramente do alcance aos consumidores ambientalmente conscientes, que permite a utilização de uma estratégia de marketing verde. Este alinhamento auxiliará também a interação com os stakeholders e o fortalecimento das relações comerciais.

Ao integrar ações sustentáveis nas práticas operacionais diárias nas empresas os processos e/ou produtos serão modificados para diminuir o uso de recursos escassos ou tóxicos, bem como para fazer a reciclagem dos subprodutos, evitando o desperdícios. Em alguns casos, é possível já perceber em curto prazo de tempo a redução de custos, o que acarreta diretamente uma vantagem competitiva sobre os concorrentes. O aumento da eficiência operacional também reflete positivamente e de forma direta na redução de custos.

Empresas e organizações que “se arriscam” e estão sempre buscando melhorias, desenvolvem uma aumento em sua capacidade inovativa. As boas práticas para a inovação sustentável vão desde o impacto dos transportes, o recebimento da matéria-prima até a entrega ao cliente, as embalagem, o descarte do produto ao final do uso, o efeito do uso/consumo dos novos produtos na sociedade e no planeta, o ciclo de vida dos produtos, os impactos dos projetos em toda a cadeia de valor, a origem e a forma com que são obtidas as matérias-primas utilizadas para fabricar novos produtos e o consumo energético e de água no processo de transformação.

A criação de uma Cultura de Sustentabilidade na empresa geram uma importante correlação entre os colaboradores e sua participação em ações sustentáveis e o retorno financeiro para as organizações. São inúmeras as companhias que já perceberam a conexão entre a sustentabilidade e o engajamento de seus colaboradores, e esta conexão via de regra é sempre promovida pelo RH.

Em relação ao mercado de capitais, verifica-se que à partir do quadro da necessidade de integração do tema sustentabilidade na pauta mundial, organizações que aceitam os desafios da sustentabilidade trazem pra seus acionistas uma valorização considerável, sendo este um caminho para o aumento do lucro no futuro.

Observando o item 10, não é difícil admitir que ao respeitar e cumprir todos os requisitos obrigatórios das leis e normas legais, as empresas demonstram responsabilidade civil, respeito, e que possuem valores éticos e sociais, sem perder o foco em seu crescimento econômico, requisitos de extrema importância para um futuro sólido, sem riscos e comprometimento da sua imagem e operação.

A preocupação quanto à sustentabilidade deve estar presente em todos os tipos e tamanhos de organizações, o foco em estratégias sustentáveis é mais que justificável diante dos benefícios obtidos por meio da inclusão deste tema na gestão empresarial. Ao alinhar os processos, procedimentos e produtos da empresa com uma atuação correta social e ambiental a organização gera valor e retorno financeiro.

Renata Pifer
Consultora, Mentora e Palestrante em Gestão Ambiental e Estratégias Sustentáveis, Executive and Business Coach. Consultora e Analista Comportamental e Trainer.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *