Home Notícias Congresso Ecoenergy 2022 mostra que Brasil é uma potência adormecida na geração de energia limpa e renovável

Congresso Ecoenergy 2022 mostra que Brasil é uma potência adormecida na geração de energia limpa e renovável

por redação

Embora à frente do resto do mundo, o País precisa de planejamento e de mais investimento. Em três dias, o evento reuniu 40 especialistas para debater e analisar os rumos do setor

O Congresso Ecoenergy 2022 – Congresso Brasileiro de Tecnologias Limpas para Geração de Energia Renovável, realizado entre os dias 7 e 9 de junho, no São Paulo Expo, mostrou mais uma vez porque é considerado um dos mais importantes encontros do setor no País. Em apenas três dias, com 12 painéis, 40 especialistas subiram ao palco do evento para debater e analisar os desafios, as tendências e os avanços tecnológicos desse que é um dos campos mais dinâmicos e promissores do século XXI.

Com um conceito inovador, o fórum foi dividido em blocos temáticos e fontes energéticas, de solar, eólica e biomassa, passando por hidro e termelétricas, gás e hidrogênio verde. Dessa forma, cada segmento teve seu próprio espaço para fomentar conversas, divulgar balanços e conceitos, e, principalmente, apresentar iniciativas promissoras.

“Sem prejuízo às edições anteriores, o Congresso Ecoenergy 2022 foi o mais valioso e produtivo. O novo formato, com um número restrito de participantes, proporcionou maior qualidade na interação e no conhecimento compartilhado”, afirma Maurício Macedo, CEO da Fiera Milano Brasil, organizadora do evento. Ele ainda teceu elogios à Blue Ocean Business Events, responsável pela curadoria do Congresso.

Apesar da enorme diversidade de temas, os especialistas convidados pareceram convergir para uma conclusão: o Brasil tem um enorme potencial para se tornar um expoente da energia limpa e da descarbonização da economia. Recursos em abundância, no entanto, não bastam; é preciso planejamento, investimento e sólidas políticas públicas.

“Essa particularidade brasileira mostra como a Ecoenergy é fundamental. É um fórum que, por um lado, oferece uma visão estratégica do setor energético nacional, por outro proporciona um ambiente rico de discussões e de networking, incentivando a inovação e o desenvolvimento de tecnologias limpas para geração de energia renovável”, diz Macedo.

 

Feira gera bons negócios

 

Além do Congresso, que integra a Feira Ecoenergy – Feira Internacional de Tecnologias Limpas para Geração de Energia Renovável, o evento contou também com um espaço de exposição com 125 marcas expositoras, atraindo representantes da cadeia produtiva de energia solar e eólica, biomassa, GTDC e painéis fotovoltaicos, bem como visitantes com voz ativa e poder de decisão no setor, como engenheiros, empresários, distribuidores e pesquisadores.

Em sua 9ª edição, a feira mais uma vez apresentou as últimas tecnologias, produtos e serviços para o setor, com uma área de exposição que evidenciou a diversidade de lançamentos e tendências oferecidos para o mercado. O objetivo, desde o começo, foi de oferecer uma plataforma completa de soluções voltada à toda indústria de energias renováveis.

 

Avaliação positiva de expositores

 

“A feira foi extremamente positiva – por isso, pelo retorno positivo que temos, sempre voltamos. Nesta edição, mesmo após o isolamento social, tivemos um bom fluxo de movimentação dentro do estande, conseguimos divulgar bem nossos cursos e treinamento, iniciamos negociações e concluímos vendas”, disse Luis Gustavo, gerente de treinamentos da LGL Solar.

Para Felipe Carvalho , gerente comercial da Powersafe, a Ecoenergy é um ótimo ambiente para promover e divulgar os produtos da empresa, como as baterias especiais. “Conseguimos negociar bem, realizamos cadastro de novos clientes e orçamentos para vendas. O movimento foi conforme esperávamos e a nossa avaliação, claro, é bastante positiva”, afirmou.

Já Carlos Rodrigues, diretor da Inovare, enfatizou o rico intercâmbio entre os visitantes e expositores. “A participação na Ecoenergy já virou tradição para nós. Sempre tivemos resultados excelentes, principalmente na captação de leads, e este ano não foi diferente: tivemos bastante procura”, comentou.

Compartilhar
0 comentário

Posts relacionados

Deixe um Comentário